Capa » CIDADES » ACRE » BRASILÉIA » CADÊ A GRATIFICAÇÃO QUE ESTAVA AQUI? SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUSPENDE ATRAVÉS DE OFÍCIO CIRCULAR O PAGAMENTO DOS 10% DE GRATIFICAÇÃO AOS PROFESSORES QUE ATENDEM ALUNOS ESPECIAIS

CADÊ A GRATIFICAÇÃO QUE ESTAVA AQUI? SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUSPENDE ATRAVÉS DE OFÍCIO CIRCULAR O PAGAMENTO DOS 10% DE GRATIFICAÇÃO AOS PROFESSORES QUE ATENDEM ALUNOS ESPECIAIS

Compartilhe:

Na manhã desta quinta-feira, 28, a SEME do município de Brasiléia emitiu um ofício circular que suspende a gratificação de 10% do salário do professor que atende alunos especiais.

Sabe-se que mesmo com a pandemia, as aulas que eram presenciais continuaram, só que passaram a ser online, o professor teve que se readaptar a um novo contexto de ensino e na hora em que menos espera. Um corte abrupto em um dos poucos benefícios concedidos à categoria. A gratificação de 10% para os professores que  atendem aos alunos com necessidades especiais foi suspensa na manhã desta quinta-feira pela SEME (Secretaria Municipal de Educação). Contudo, o ensino que agora ficou à distancia não foi suspenso. A pergunta que ficou sem resposta foi: Com as aulas online, os alunos especiais deixaram de serem atendidos?

A equipe de reportagem do Diário Fronteira e do blog AcNewsFronteira1 entrou em contato com a secretária de educação Luíza Ribeiro Amaral, que se encontrava em uma chácara e disse não poder conversar sobre o assunto naquele momento. Retornamos através de ligação, e não fomos atendidos, tentamos pelo whatsapp e a mesma visualizou as mensagens, e não respondeu ou se quer manifestou interesse em prestar esclarecimentos sobre o assunto.

O presidente do sindicato dos professores José de Almeida, quando procurado pela equipe do Diário Fronteira e do blog AcNewsFronteira1, disse não ter conhecimento do documento em questão. Todavia encaminhamos uma cópia ao mesmo e ele ficou de verificar se os alunos especiais estão sendo atendidos, mas também não retornou com a resposta.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Sobre Redação Diário Fronteira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*